É muito importante que as organizações separem um tempo para uma atividade essencial para o bom funcionamento do negócio: fazer ou rever o seu plano de negócios.

O que é o plano de negócios

O plano de negócios, ou business plan, é uma ferramenta que ajuda o empreendedor a detalhar aspectos essenciais da sua empresa e traçar os próximos passos de forma estratégica e bem calculada.

O ideal é que o primeiro plano de negócios seja feito antes do início oficial do negócio, para que possa servir como um guia de tudo o que será feito.

Para ficar mais claro, podemos dizer que da mesma forma que é necessário criar um projeto arquitetônico de uma casa antes de ela ser construída, para que uma ideia de negócio se torne uma empresa funcional é importante traçar um plano de ação.

Alguns dos aspectos que um plano de negócio contempla são:

  • Resumo do negócio: que traz informações de como e por que a empresa existe, qual seu segmento, tipo de produtos e serviços comercializados.
  • Forma jurídica e enquadramento tributário: detalhamento de qual é a constituição formal da empresa e em que tipo de regime tributário ela se enquadra.
  • Estudo de mercado: com as principais informações sobre o seu segmento, incluindo concorrentes, fornecedores e clientes.
  • Plano operacional: traz detalhes sobre quais serão os procedimentos executados no dia a dia da empresa e que tipo de profissional será necessário.
  • Plano de marketing: pontua as ferramentas que serão utilizadas para a divulgação e como o marketing vai atuar.
  • Plano financeiro: estima os valores necessários para começar a operação e prevê a viabilidade financeira da empresa no longo prazo.

Os pontos propostos por esse instrumento fazem com que o empreendedor consiga organizar seus pensamentos no plano de negócios e tenha uma imagem clara de como cada departamento deve funcionar para que sua ideia se transforme em um negócio rentável.

Em suma, criando um bom plano de negócios, o empreendedor tem a chance de avaliar os aspectos financeiro, administrativo, operacional, mercadológico, estratégico e de marketing, mesmo antes de iniciar a operação, o que lhe dá a chance de fazer ajustes e otimizar seus próximos passos.

A necessidade de refazer o seu plano de negócios

Não são só as novas empresas que devem produzir seus planos de negócio. É indicado que mesmo os empreendimentos que têm muitos anos no mercado refaçam, de tempos em tempos, sua avaliação sobre o negócio.

Ainda que o plano de negócios sirva para orientar o planejamento, muitas vezes a prática se prova distinta da teoria. Tendências do mercado podem mudar, novos concorrentes podem surgir, o perfil do público-alvo pode se transformar e a empresa precisa ir se reinventando para acompanhar um novo ritmo e continuar prosperando.

Nesse sentido, muitas vezes, o plano de negócios que foi construído no início da operação torna-se obsoleto e segui-lo já não faz mais sentido em um novo cenário. É nesse momento que refazer o plano de negócios é indispensável.

Repensar os principais aspectos da empresa é um exercício importante para avaliar o que deu certo e errado com relação ao plano anterior e às transformações que o negócio sofreu entre um plano e outro. E um ótimo momento para fazer essa análise é o começo do ano!

Incluir o seu advogado no plano de negócios? Claro que sim! Muitos empreendedores têm dificuldade em desenhar o plano de negócios e, por conta disso, acabam ou deixando de usar a ferramenta ou não a utilizam corretamente.

Uma das melhores alternativas, nesses casos, é contar com uma assessoria jurídica para acompanhar e revisar este processo.

A abertura da empresa e o início das operações são momentos bastante delicados, e é imprescindível ter o amparo de um bom advogado para orientar qual o melhor regime tributário e garantir que a empresa esteja regularizada e em conformidade com a legislação em todos os aspectos, desde os contratos que serão utilizados até a previsão de crises que podem surgir no futuro.

Se você precisa de apoio nesse momento, conte com a Assis e Mendes Advogados, um time de advogados especializados em Direito Empresarial, Direito Digital e Tecnologia para revisar o seu plano de negócios e garantir que sua empresa entre no mercado bem estruturada e segura.