Na era dos cibercrimes, a sua empresa está preparada para lidar com um incidente de segurança?

29 de maio de 2024

Na era digital em que vivemos, os incidentes de segurança cibernética, entre eles o mais famoso chamado de “vazamentos de dados”, são ameaças constantes que as empresas enfrentam. A segurança da informação e a proteção de dados tornaram-se preocupações fundamentais para todas as organizações, independentemente do tamanho ou setor em que atuam.

Já foram publicados uma série de estudos por grandes empresas de tecnologia nos últimos anos, e o resultado é unânime, a maturidade em segurança da informação é baixa e as organizações não investem em treinamento e conscientização dos seus colaboradores, o que coloca em risco a principal matéria prima da economia digital, os dados pessoais!

Mais do que ter uma área de tecnologia ou um CISO (Chief information security officer) para apoiar a sua organização, é essencial contar com profissionais qualificados e especializados em direito digital e proteção de dados, inclusive para apoiar na elevação da maturidade da sua empresa sobre o tema e principalmente, no caso de um incidente de segurança, já que existem uma série de ações que precisam ser tomadas em um curto espaço de tempo. 

Como consultoria especializada, é essencial destacar a importância da preparação adequada da sua organização para que um incidente de segurança possa ser tratado e contido de forma rápida e eficiente. 

Seguem algumas dicas valiosas para que te apoiar nesse processo: 

Uma das principais lições que aprendemos com os incidentes de segurança cibernética é que a prevenção é essencial, mas a preparação é crucial. Nenhuma organização está imune a ataques cibernéticos, portanto, é essencial que as empresas estejam preparadas para responder eficazmente caso ocorra um incidente de segurança. Isso inclui:

  1. Elaboração de um Plano de Resposta a Incidentes: Ter um plano de resposta a incidentes bem documentado e testado é essencial para lidar com violações de segurança de forma rápida e eficaz. Esse plano deve incluir procedimentos claros para identificar, conter, mitigar e remediar o incidente, além de comunicar adequadamente as partes interessadas.
  2. Treinamento e Conscientização: Funcionários bem treinados e conscientes da segurança cibernética são a primeira linha de defesa contra ataques cibernéticos. Investir em programas de treinamento e conscientização pode ajudar a reduzir o risco de incidentes de segurança causados por erro humano.
  3. Implementação de Medidas de Segurança Adequadas: Isso inclui a utilização de firewalls, antivírus, criptografia de dados, autenticação multifatorial e outras tecnologias de segurança para proteger os sistemas e dados da organização contra acesso não autorizado.

E quando estamos falando de dados pessoais, o cuidado precisa ser redobrado, considerando o impacto que um “vazamento” poderá causar aos titulares e a sua própria organização, como danos à reputação e perda de confiança dos clientes. Lembre-se, a LGPD já estabeleceu que as multas podem chegar a R$50 milhões de reais, além da ANPD (Autoridade Nacional de Proteção de Dados) já ter regulamento os critérios específicos para dosar a sanção.

Para evitar um vazamentos de dados, é essencial que a sua empresa seja mapeada para identificar e ter condições de responder às seguintes perguntas:

  • Por onde os dados pessoais circulam dentro da minha organização e onde estão armazenados? Eles estão seguros?
  • Tratamos dados pessoais sensíveis no contexto das nossas atividades, como dados de saúde e biométricos?
  • Quais medidas de segurança eu possuo e que vão proteger os dados pessoais e as informações dentro da organização? Usamos criptografia e controle de acesso? Nossos sistemas estão atualizados?
  • Quais ações serão tomadas caso haja alguma suspeita de um vazamento de dados? Quem eu devo acionar neste momento crítico?

Em resumo, a preparação adequada para incidentes de segurança cibernética, juntamente com a obtenção de consultoria jurídica especializada, são passos essenciais para ajudar as empresas a proteger seus dados e sistemas, cumprir as regulamentações de proteção de dados e mitigar os riscos legais associados à segurança cibernética. Ao adotar uma abordagem proativa e multidisciplinar para a segurança da informação, as empresas podem melhorar sua resiliência contra as crescentes ameaças cibernéticas e proteger o que é mais importante: a confiança de seus clientes e parceiros.

Não sabe por onde começar? Nós podemos ajudar! Faça contato conosco.

Compartilhe:

Mais Artigos

Fui vítima de um crime virtual: e agora?

É muito importante saber o que fazer para se proteger e buscar justiça.

Minha empresa precisa mesmo de um DPO?

A obrigatoriedade do profissional é patente. Veja os motivos.

GOOGLE E JUSBRASIL SÃO OBRIGADOS A REMOVER PÁGINAS QUE EXPÕEM DADOS DE VÍTIMA DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

As empresas responderam afirmando não terem responsabilidade sobre o conteúdo publicado

O SITE DA MINHA EMPRESA COLETA DADOS; PRECISO ME ADEQUAR À LGPD?

Se o site coleta dados pessoais por cookies, análise de tráfego, formulários de contato ou outra ferramenta, sua empresa deve estar em conformidade com a LGPD.

Na era dos cibercrimes, a sua empresa está preparada para lidar com um incidente de segurança?

Entre as ações necessárias está o Plano de Respostas a Incidentes

Comunicado | Domicílio Judicial Eletrônico

Pedimos sua atenção para uma atualização cadastral necessária: Foi instituído o Domicílio Judicial Eletrônico, com a obrigatoriedade das empresas cadastrarem um e-mail válido para receberem citações e informações da Justiça …

Entre em contato

Nossa equipe de advogados altamente qualificados está pronta para ajudar. Seja para questões de Direito Digital, Empresarial ou Proteção de Dados estamos aqui para orientá-lo e proteger seus direitos. Entre em contato conosco agora mesmo!

Inscreva-se para nossa NewsLetter

Assine nossa Newsletter gratuitamente. Integre nossa lista de e-mails.